sábado, 3 de setembro de 2011

A realidade sobre a pesquisa de torcidas da RBS

A RBS divulgou uma pesquisa nesta semana em que aponta o Avaí como o time com maior torcida em Santa Catarina e o Figueirense liderando na Grande Florianópolis.

Ora, todo mundo sabe que os times da Capital só possuem torcida na Grande Florianópolis. Nas outras regiões, qualquer pesquisa bem feita dá traço para os dois.

Em cidades como Lages, Rio do Sul, Blumenau, Joaçaba, Mafra, o que o Figueirense e Avaí realmente tem, com raríssimas exceções, são simpatizantes e não torcedores. Em outras, como Joinville e Criciúma, nem isso.

Portanto, em termos de torcedor de verdade, aquele que realmente se interessa e acompanha o time, o que conta é a pesquisa da Grande Florianópolis, onde o Figueirense lidera não só nesta como em todas as realizadas até hoje. 

A resposta a pergunta sobre qual time de Santa Catarina o entrevistado torce é tão confiável quanto a do Instituto Mapa em que se perguntava sobre qual o time de Santa Catarina de preferência do torcedor, o qual  apontava o Figueirense na liderança, o que serviu de base para que os gênios da diretoria alvinegra na época acreditassem que o time possuía milhares de torcedores em Lages e mandasse alguns jogos naquela cidade, em 2006.

Esse tipo de pergunta, mesmo se realizada em qualquer outro estado da federação, com certeza vai apontar Figueirense e Avaí com algum percentual de torcida, embora evidentemente fictícia. 

Cada um faz a leitura que quer de uma pesquisa, mas quem não quiser se enganar vai chegar a conclusão, com base até nessa pesquisa da RBS,  que a maior torcida real de Santa Catarina ainda é a do Figueirense.

Já o nosso rival é campeão de torcida fictícia, imaginária, ilusória. Não só nessa pesquisa. Em outra divulgada no ano passado apareceu com 1,2 milhão de torcedores no Rio de Janeiro. Pode?

De qualquer forma é bom a Diretoria do Figueirense abrir os olhos, pois, mesmo com a enorme superioridade no desempenho dentro de campo na última década, vejo sérios indícios de que a diferença favorável no número de torcedores diminuiu. Efeito Guga? Talvez sim, mas faltou alguma ação efetiva do clube para tentar anular a influência do tenista.

6 comentários:

  1. Bom , quanto as outras cidades eu não sei . Só sei que teve um ano que o Figueirense fez de Lages a sua casa , porque o Scarpelli estava em reformas e lá era grande o número de pessoas que eram simpáticas ao Furacão . Portanto , lá o Avai não pode ter mais torcida que nós .
    Em Criciúma tem algumas de pessoas daqui que moram lá e que são torcedores do Figueira , mas isso é exceção claro . Pois lá não temos nem simpatizantes e nem o avai tbém . Até sei de pessoas que moram naquela região , como Içara , q. tem sim torcedores mesmo do Figueirense . mas claro , uma minoria ...
    Dá uma olhada nessa tabela . ela por si só fala tudo .

    http://www.papodebuteco.org/2011/08/media-de-publico-pagante-do-brasileirao.html#

    Obs: E isso que o Mangue fez um montão de promoções a R$10 e R$ 20 reais o ingresso .

    ResponderExcluir
  2. Realmente, os times da capital tem torcedores nessas cidades do interior, mas é tão pequeno o número que dá traço na pesquisa (bem menos de 1%).
    O Figueirense realmente tem muitos simpatizantes em Lages, mas torcedores, mesmo, são poucos também, como nas outras cidades fora da Gde Fpolis.
    Abraço

    ResponderExcluir
  3. João Frederico H. Leite03/09/2011 16:37

    Amigo estas enganado. Urussanga onde moro atualmente, existem no minimo uns cem torcedores do NOSSO FIGUEIRA, e que muitas são as vezes que saem de Urussanga e rodam em torno de 400 Km para TORCER pelo NOSSO FIGUEIRA. Eu por exemplo sou uum dos fundadores da GAVIÕES ALVINEGROS, e por motivos outros resido em Urussanga/SC. Voces que tem uma GRANDE ferramenta nas mãos deveriam estudar o torcedor do interior e teriam uma enorme surpresa. Quanto a pesquisa da RBS, ja é sabido que o resultado é sempre contrario a nos, muito pelo contrario e inclusive Criciúma que fica ao lado de Urussanga tem muitos ALVINEGROS iguais a nós.
    João Frederico H. Leite
    Urussanga - SC

    ResponderExcluir
  4. João Frederico, realmente o Figueirense tem torcida em todas as cidades catarinenses, mas muito pouco. Quando falei que dá traço é pq é menos de 1%, acredito, inclusive em Urussanga e região.
    Estive algumas vezes em Criciúma e uma vez em Urussanga e realmente vi várias pessoas com a camisa do Figueirense, conversei com alguns e disseram que eles ou seus parentes eram da Gde Fpolis. Em outras cidades, como Joaçaba, Lages, Mafra, também ocorreu a mesma coisa.
    Ou seja, é um percentual pequeno e boa parte tem alguma ligação com a gde fpolis.
    Na minha avaliação, o Figueirense ainda não conseguiu se "estadualizar", o que seria fundamental para crescer.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Ólha. Torço para o Figueirense desde 2004 (acho). Não sou nenhum fanático. Mas ao assistir jogos em Floripa e também em outras situações, percebi um certo desprezo por torcedores do Figueirense que não são de Florianópolis ou São José. Ao torcer pelo Figueira, já trouxe filho, irmão e demais torcedores, que ao meu ver, parece que a turma de Floripa insiste em classificar como "simpatizantes". Um argumento que sempre uso aqui em Balneário Camboriú e Itajaí, é que muitos torcedores do Flamengo, Vasco e rio/sp em geral, nunca conheceram esses estados e nunca vão conhecer. E que os verdadeiros habitantes rio/sp, só se divertem com isso. Quanto a pesquisa. Concordo. RBS não dá pra levar a sério. Mas ainda acho que torcidas de Floripa deviam incentivar torcedores estado adentro, ao invés de desprezá-los e classifica-los como simpatizantes. Aposto que tem muito torcedor de Floripa que curtem o Figueira e até o avai, mas não são "fanáticos" e não estão preocupados em ser, para se tornarem "verdadeiros torcedores". Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que o Figueirense deve aproveitar a boa fase e tentar alternativas para aumentar o número de torcedores no interior do estado...marketing, propaganda, sei lá...

      Excluir

Em vez de comentar como "Anônimo", prefira "Nome e URL" e coloque apenas o nome ou apelido se não possuir blog ou site.

Seguidores