quinta-feira, 15 de julho de 2010

RBS, porque te calas?

Considero gravíssimo, um absurdo, um atentado à liberdade de expressão e de imprensa, o episódio da agressão ao radialista Rodrigo Santos, efetuado por Delfinzinho e seus capangas, que por incrível que pareça, apesar da imensa ficha corrida, ocupa o cargo de Assessor Especial do Presidente da Federação Catarinense de Futebol, ou seja, Assessor de seu pai, o Delfinzão.

É um fato grave porque foi perpetrado por um representante da Federação, contra um jornalista no local de trabalho e no exercício de suas funções e com o objetivo de punir o agredido por opiniões que desagradaram o agressor.

Diante de um ato de tamanha gravidade, era de se esperar que a RBS, que detém quase o monopólio dos meios de comunicação no Estado, reagisse de maneira enérgica, a altura da indignação dos catarinenses.

Nada disso. Apenas se limitou a noticiar o fato, discretamente.

Até Castiel, que goza de boa credibilidade entre os torcedores, não deu o devido destaque ao lamentável episódio, apenas um pequeno post em que critica o agressor, mas vê coerência na nota do Delfinzão em que este se faz de vítima da imprensa. Seria melhor que tivesse ficado calado.

Para não ser injusto, apenas o Braga deu o devido destaque ao assunto em seu blog, mostrando indignação compatível com a gravidade do ato.

É muito pouco para um grupo de comunicação desse porte.

Mas pelo histórico da RBS não se poderia esperar outra coisa, já que faz parte de sua cultura agir de acordo com suas conveniências, seus interesses. Porque brigar com Delfinzão, o homem que manda e desmanda na Federação, inclusive quanto aos direitos de transmissão das partidas?

É sempre assim que esse grupo age, inclusive em questões envolvendo a Administração Pública, citando como exemplo a questão da polêmica árvore de natal da Capital, em que só passou a abordar o assunto quando era inevitável, diante da repercussão na sociedade, especialmente em blogs e redes sociais.

No caso da Federação, a coisa parece mais escancarada. É como se fosse uma orgia de interesses: tem o cafetão barbudão e os clubes que, como prostitutas temerosas, se prostituem, lambem suas botas, em troca de proteção, segurança, não perseguição. E a RBS age como a dona do puteiro: em troca da prosperidade dos negócios, finge que não tem nada de mais, que não é com ela, e manda às favas seus princípios.

4 comentários:

  1. Angela Maria16/07/2010 18:17

    Queria ver se os agredidos fossem o Miguelito ou
    R.Alves.Temos q esquecer q esta emissora existe.

    ResponderExcluir
  2. Foi exatamente isso que comentei no blog do Castiel e ele não publicou.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  3. o anonimato do blog é a maior conquista dos ignorantes hahahahaha

    ResponderExcluir
  4. Anônimo disse...

    o anonimato do blog é a maior conquista dos ignorantes hahahahaha
    17/07/10 01:23
    Sob o comentario....que piada pronta.??????????
    Esta Rede, é rididulo, ate mesmo comentarista fazendo apologia a Ditadura, ridiculo em pleno seculo 21, uma rede sem o minimo de etica e ja perdendo a credibilidade.

    ResponderExcluir

Em vez de comentar como "Anônimo", prefira "Nome e URL" e coloque apenas o nome ou apelido se não possuir blog ou site.

Seguidores